OBarrete

Porque A Arte Somos Nós

Fiódor Dostoiévski (1821–1881) é o que se pode chamar de um escritor completo. Completo e complexo. Em “Os Irmãos Karamázov” a literatura russa encontra o seu apogeu e transborda ao mundo a narrativa ampla, investigativa acerca das coisas da vida, dos amores e conflitos, etc. Mais que um escritor, Dostoiévski foi um psicólogo, mesmo que …

Continue reading

A cidade amanhece, levanta, estuda, trabalha, fica à toa, descansa, alimenta, deita e dorme. São ónibus lotados que levam trabalhadores de periferia ao grande centro comercial, são empregadas domésticas que levantam tão cedo que, quando chegam para preparar o café da manhã dos filhos da família abastada, na correria dos preparativos e dos pormenores, vislumbra …

Continue reading

“O Anticristo”, de Friedrich Nietzsche (1844-1900) é um pequeno ensaio publicado após a sua morte. A obra trata de uma crítica capital ao cristianismo, elencando discussões que perpassaram toda a filosofia do prussiano – alemão, tais como a recuperação dos Deuses trágicos, a sua aversão ao ideal de moralismo enraizado na cultura alemã e o …

Continue reading

Para irmos ao encontro do pensamento de Kant, imaginemos a seguinte cena: um indivíduo entra em sua casa esbaforido e assustado, afirmando que está sendo perseguido por um assassino que tenta matá-lo. Você sai assustado e, ainda tentando se recompor do susto e do inusitado da ocorrência, se depara com o perseguidor armado que te …

Continue reading

O filósofo alemão Friedrich Nietzsche (1844-1900) é um dos pensadores mais originais da História da Filosofia. Mesmo que beba na fonte dos pré-socráticos e dos filósofos clássicos da Antiguidade, ele veio desmistificar, confrontar, poetizar e profetizar aspectos morais e comportamentais da sua época. Aliás, o seu olhar agudo e ferino, mesmo que fisicamente acometido em …

Continue reading