OBarrete

Porque A Arte Somos Nós

O filme “Midnight in Paris”, em português “Meia-Noite em Paris“, de 2011, dirigido por Woody Allen, conta com um badalado elenco: Owen Wilson, Rachel McAdams, Adrien Brody, Carla Bruni, Kathy Bates, Michael Sheen, Alison Pill, Tom Hiddleston, Corey Stoll, Di Fonzo Bo, Tom Cordier e Marion Cotillard. Misto de romance e comédia, percebi um drama …

Continue reading

Um dos principais objectivos de qualquer arte passa por encontrar um significado pessoal de expressão. Para isso, a linguagem serve para expressar o que está dentro de nós e, portanto, o cinema “puro”, aquele que contempla as emoções dentro das personagens, obedece a uma filosofia cinematográfica (a emoção): a comunicação não tem de ser vocal, …

Continue reading

“Double vies”, ou em português “Vidas Duplas“, é um filme francês de 2018. Dirigido por Olivier Assayas, com Guillaume Canet, Juliette Binoche, Vincent Macaigne e Norah Hamzawi, prima pela abordagem intelectual em conversas em jantares onde amigos se reúnem para discutirem os novos rumos da arte. Um drama com trechos de humor, nas interlocuções afiadas …

Continue reading

A influência inegável da máquina cinematográfica de Hollywood estandardizou que bom cinema é aquele que está repleto de drama, personagens complexas ou matérias sociais relevantes. Algo que é continuamente perpetuado pelos Óscares, que privilegiam um formato de cinema que frequentemente não está alinhado com o que de facto se faz de melhor na sétima arte. …

Continue reading

O novo filme de Spike Lee, “Da 5 Bloods” (em português “Da 5 Bloods – Irmãos de Armas“) foi a mais recente grande aposta da Netflix no que toca a películas susceptíveis aos concursos dos Festivais de Cinema por esse mundo fora. Foi também o grande destaque na era “pós-pandemia”, se é que assim podemos …

Continue reading