OBarrete

Porque A Arte Somos Nós

O filósofo Jean-Jacques Rousseau (1712-1778) nasceu em Genebra, na Suíça, mas viveu a maior parte da sua vida em França. Juntamente a Voltaire, Diderot e D’Alembert, é um dos expoentes do chamado Iluminismo francês, embora tenha desgarrado um pouco dos enciclopedistas e avançado em muitas das suas proposições. Devemos lembrar que a burguesia tentava desgarrar-se …

Continue reading

“Não te digas filósofo nunca, nem fales em máximas na presença de ignorantes, mas age de acordo com essas máximas. Assim, num banquete, não ensines como é preciso comer, mas come de maneira conveniente” Epicteto A história de vida de Epicteto é interessante. Nasceu no ano de 55 d. C. e faleceu em 135 na …

Continue reading

“O coração tem razões que a razão desconhece” Pascal Lendo este pensamento de Blaise Pascal (1623-1662), podemos ter uma ideia da linha de raciocínio deste importante filósofo francês do século XVII. Físico, matemático, tinha tudo para coadunar com o pensamento do racionalista René Descartes (1596-1650), mas foi um crítico da razão infinita e do método …

Continue reading

“Pensar frequentemente e não conservar um só momento a recordação do que se pensa, é pensar de maneira inútil” Leibniz Aqui no Barrete já falei de René Descartes (1596-1650), Baruch Spinoza (1632-1677), dos filósofos empiristas ingleses e mais alguns personagens do século XVII. Pois bem, é chegada a hora de convidarmos para a discussão Gottfried …

Continue reading

“Só vivo porque posso morrer quando quiser: sem a ideia do suicídio já me teria matado há muito tempo” Emil Cioran Preparem-se para pensamentos melancólicos. Para ideias desconcertantes. Para ideias que nos incomodam. Se forem de natureza macambúzia e com pouco senso de reflexão, sugiro que não se apercebam do filósofo romeno Emil Cioran, que …

Continue reading