OBarrete

Porque A Arte Somos Nós

Podem encontrar o capítulo anterior aqui! Gregório relaxou nas férias. Sempre envolvido em atividades culturais, procurou não visitar nem livrarias nesse período. Como não escrevia mais a coluna semanal, decidiu não fazer a assinatura do jornalzinho de bairro onde antes escrevera. Abnegado, auxiliou no início dos preparativos dos cafés filosóficos propostos por Arthur e foi com …

Continue reading

Podem encontrar o quinto capítulo aqui! Capítulo VI A dança, realmente, não era um dos talentos de Cíntia. Enquanto o príncipe tentava, pacientemente, conduzir sua parceira, a guerreira dava seu pequeno vexame. Cambaleando sem jeito de um lado para o outro, esforçava-se em acompanhar o habilidoso passo de Tales, evitando, sem sucesso, pisar no seu pé …

Continue reading

“— Eis a minha opinião – declarou, sentencioso, o diretor-geral adjunto. — Passam-se aqui muitas coisas lamentáveis e, aliás, não é de hoje. Muito eu teria a dizer sobre erros cometidos nos dois últimos anos, mas vou me ater aos acontecimentos atuais. Uma pessoa nesta empresa zomba do mundo. Escreve um texto estúpido, imprime-o e …

Continue reading