OBarrete

Porque A Arte Somos Nós

Aos 26 anos de idade, em 1968, Chick Corea já desenvolvera grande afinidade pelo jazz afro-cubano enquanto trabalhava com Mongo Santamaria e Sonny Stitt, entre outros. Ele compôs e organizou uma dimensão de álbuns como como “Boss Horn”, de Blue Mitchell, viu as suas composições gravadas por nomes como Hubert Laws, Donald Byrd ou por …

Continue reading

Alexander von Schlippenbach é um pianista de jazz alemão conhecido pela sua abordagem experimental e qualidades virtuosas. Ao longo da sua carreira, lançou uma quantidade enorme de música (quase 60 discos), trabalhando como artista solo e participando em outros projectos com outros músicos. Em 1988, fundou a Berlin Contemporary Jazz Orchestra, uma grande banda que …

Continue reading

“King Kong”, lançado em 1970, é provavelmente o trabalho mais importante na carreira de Jean-Luc Ponty, pois é ao mesmo tempo o ponto de viragem que lhe deu mais visibilidade na cena mainstream do jazz, e a oportunidade de escapar das crescentes pressões para fazer música comercial. A fonte da descoberta de Ponty foi a …

Continue reading

Como muitas pessoas, ouvi falar de Ahmad Jamal pela primeira vez como a figura que teve uma influência decisiva em Miles Davis no início dos anos 50. Intuitivamente, a grande semelhança entre Davis e Jamal é que ambos tocam apenas uma nota quando outros músicos tocam três e, às vezes, não tocam, mas ficam satisfeitos …

Continue reading

Thelonious Monk foi um pianista único, misterioso, e um dos mais importantes músicos de jazz. Monk tinha um estilo único de improvisar e tocar. Tornou-se famoso graças a essas improvisações, onde cada nota se encaixa perfeitamente no contexto da música, numa mistura incomum de ritmo e melodia. Sempre descrito como um homem excêntrico e peculiar, …

Continue reading