OBarrete

Porque A Arte Somos Nós

Auguste Comte (1798-1857) foi um importante filósofo francês e certamente um homem do seu tempo. Nascido e crescido no seio da Revolução Francesa, da Revolução Industrial e a par do Iluminismo que impregnava a Europa à época, formulou uma teoria que visava entender historicamente a sociedade em que vivia e pretendeu dar-lhe um rumo por …

Continue reading

Recentemente, li “O Cão do Filósofo“, do escritor e filósofo alemão Raimond Gaita (Difel, 2011, 240 p.). O livro de ensaios e memórias aborda a relação que nós, seres humanos, temos com os animais, os de estimação e os habitantes da Natureza como um todo. Livro muito bem escrito, foi com destaque que fiquei conhecer …

Continue reading

Arthur projetou, batalhou, divulgou e promoveu o seu primeiro café filosófico. No Pátio Savassi, na Leitura, ficou ansioso e na expectativa para a chegada do público naquele primeiro evento. Gregório foi o primeiro a chegar. Andreia chegou com um acompanhante, que vieram a saber depois, era o seu namorado oriundo do encaminhamento do pastor. Ela …

Continue reading

“Aquele que sempre cuidou muito de si, acaba por se tornar enfermiço com o excesso de cuidado. Bendito seja o que endurece! Não gabo o país onde fluem manteiga e mel!” O livro “Assim Falava Zaratustra”, de Friedrich Nietzsche (Edições e Publicações Brasil Editora, 287 p.) é um livro fantástico! Simples assim. Escrito entre 1883 …

Continue reading

A cidade amanhece, levanta, estuda, trabalha, fica à toa, descansa, alimenta, deita e dorme. São ónibus lotados que levam trabalhadores de periferia ao grande centro comercial, são empregadas domésticas que levantam tão cedo que, quando chegam para preparar o café da manhã dos filhos da família abastada, na correria dos preparativos e dos pormenores, vislumbra …

Continue reading