OBarrete

Porque A Arte Somos Nós

Formidável romance do escritor peruano Mario Vargas Llosa, Nobel de Literatura, “Travessuras da Menina Má” (Alfaguara, 2006, 302 p.) é um livro semi-biográfico. Explico: o autor empresta ao seu personagem, Ricardo Somocurcio, a visão e os lugares visitados por ele. O passeio autobiográfico começa no bairro peruano de Miraflores, na década de 1950, acalentando o …

Continue reading

“Madame Bovary” (Nova Cultural, 414 p.) é um romance clássico de Gustave Flaubert (1821-1880). Publicado em 1856, levou cinco anos para a sua conclusão, e causou enorme polémica a ponto de o autor ser chamado aos tribunais, uma vez que atentava contra a moral e os bons costumes. Flaubert conseguiu safar-se bem desta, e como …

Continue reading

“Double vies”, ou em português “Vidas Duplas“, é um filme francês de 2018. Dirigido por Olivier Assayas, com Guillaume Canet, Juliette Binoche, Vincent Macaigne e Norah Hamzawi, prima pela abordagem intelectual em conversas em jantares onde amigos se reúnem para discutirem os novos rumos da arte. Um drama com trechos de humor, nas interlocuções afiadas …

Continue reading

As pessoas me questionam muito acerca da atividade de filósofo. Ainda bem que aquele cliché do filósofo ser um cara descabelado, com óculos fundo de garrafão e meio alheio às coisas práticas da vida caiu em desuso. Para quem consegue enxergar para além dos clichés, é importante elencar o filósofo como um pensador sobre problemas …

Continue reading

Nota de autor: É sempre um prazer colaborar com uma revista literária e cultural. Do Brasil, encontrei OBarrete e lendo a publicação, senti que meus escritos cabiam nesta publicação. Escrevendo para este site, mitigo um pouco a saudade de Portugal. Convido-os a mergulharem nesta história e, passo a passo, refletirem sobre as coisas da vida, …

Continue reading