OBarrete

Porque A Arte Somos Nós

Ao longo da nossa vida

As pessoas vão e vêm,

Nesta viagem destemida

Sem sabermos que fim tem.

Umas deixam o seu impacto

Até quando menos esperamos,

Outras não têm esse tacto,

Mesmo quando muito aguardamos.

Existem certas situações

Que não conseguimos explicar,

Algumas más decisões

Que nos deixam a deliberar.

Esta vida são dois dias,

Devemos, ao máximo aproveitar,

Qualquer momento de reunião

Para os amigos reencontrar.

Com as pessoas especiais

Não nos devemos apoquentar,

Nem os tratarmos como estranhos,

Mas antes a amizade, cativar.

Pedro Maia

Pintura de Paul Gauguin, “Arearea” (1892)

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: