OBarrete

Porque A Arte Somos Nós

Já é cliché afirmarmos que um filme nunca será tão fiel quanto o livro, mas a película “Tender Is the Night”, em português “Suave é a Noite“, do realizador Henry King, deixa bastante a desejar. Certamente culpa do argumento mal elaborado, o interessante aqui é que o mesmo é creditado ao próprio autor, falecido em …

Continue reading

Determinados livros marcam-nos tanto que ficamos a reverberar bastante sobre as suas respetivas mensagens. Imbuído do espírito de busca, vasculhei e encontrei no YouTube uma preciosidade: o filme “O Adeus às Armas“, título em português, de 1957, realizado por Charles Vidor e John Huston. Com argumento de Ben Hecht, que tenta manter-se fiel ao livro, …

Continue reading