OBarrete

Porque A Arte Somos Nós

O sucesso da cineasta e argumentista chinesa Chloé Zhao tem sido tão discreto quão indiscutível. Antes de “Nomadland”, estreou-se de forma quase anónima no Festival de Cinema de Sundance, em 2015, com a memorável longa-metragem “Songs My Brothers Taught Me“. No entanto, foi com o seu segundo filme, “The Rider” (2017), que a autora deslumbrou …

Continue reading