OBarrete

Porque A Arte Somos Nós

Numa página em branco

Como todas as histórias tuas

Caminho sem saber

Pelo livro da vida

Levo nada

Do que sou

Apenas sonho

Arte

E Vida

“Fui educado pela imaginação”

A apreciar o vento

As marés inverosímeis

O adeus

À finitude

“Todas as horas parecem minhas”

E nenhuma eterna

Senão nossa

Claro como estar vivo

É viver em ti

E atravessar

Sonhando

O turismo infinito

Tiago Ferreira

Podes adquirir um exemplar do livro do Tiago, “A Poesia que há em Nós”, aqui!

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

%d bloggers like this: