OBarrete

Porque A Arte Somos Nós

Não devemos ter preconceito contra livros. Foi assim que peguei em “Ponto de Fuga” (Editora Record, 287 p.), do escritor australiano Morris West (1916-1999). As suas credenciais impressionam: traduzido para 27 idiomas, vendeu 60 milhões de cópias em todo o mundo. Disso só fiquei sabendo depois. Concentrado nesta primeira obra que li dele, a trama …

Continue reading